Assinar do jornal impresso? Clique aqui.
Torres, RS, 30 de Abril de 2017.

50 ANOS DE HISTÓRIA, VIDA E FÉ NA VILA SÃO JOÃO: Paróquia São José Operário comemora seu Jubileu de Ouro
Sáb, 18 de Março de 2017 16:05


 

 

A Paróquia São José Operário de Vila São João, Município de Torres, está em clima de festa com as celebrações do seu Jubileu de Ouro. E uma programação especial foi elaborada para comemorar seus 50 anos. No último dia 12,houve uma missa especial celebrada pelo Bispo Diocesano Dom Jaime Pedro Kohl  com a presença dos Padres Leonir, Almo e Gibrail e o Diácono Paulo.

Considerada uma das menores da Diocese de Osório,  a Paróquia São José Operário surgiu dos desmembramento da então Paróquia Nossa Senhora do Amparo (da Colônia São Pedro, hoje Dom Pedro de Alcântara).

De acordo com  a ata transcrita no Livro Tombo  a “creação”(grafia original) da Paróquia aconteceu no dia 12 de março de 1967 na presença do Reverendíssimo   Dom Benedito Zorzi Bispo da Diocese de Caxias do Sul que procedeu  a posse do primeiro vigário  Padre Luiz José Benini  que foi testemunhada  e assinada também pelos senhores Rosalino Graciano  de Mattos, José Venâncio de Matos e pelo secretário geral do bispado Padre Alberto Lamônaco.

Segundo relatos   deveria ter vindo uma imagem de “São João” , para combinar com a Vila de mesmo nome,  mas  a doação feita pelo Sr. José Miguel Filho  foi de “São José” e ficou sendo São José Operário.

Na  época, a Paróquia era composta pelas comunidade do Campo Bonito, Jacaré, Barro Cortado e Vila São João. Na comunidade da Vila São João as missas eram celebradas no Salão Paroquial e os primeiros batizados foram  em 12/03/1967, conforme transcrito no livro de batizados: Juarez Rosa Borges, Rogério Pereira Oliveira, José Carlos Trombini e Geneci Maria de Matos.

O primeiro casamento foi de Bento Dinarte de Matos e Ondina Anita Pereira no dia 20/03/1967.

 

Igreja construída um pouco mais tarde

 

O inicio da construção da Igreja matriz data de 1976 com a terraplanagem, compra e doação de tijolos e pedras. Contudo, um novo estudo sobre o tamanho da Igreja e atraso na terraplanagem levou a obra a ser concluída apenas em fevereiro de 1979.

A abertura oficial se deu no dia 19 de fevereiro de 1979, com a procissão do salão paroquial em direção a Igreja, levando os objetos sacros, santos e o próprio altar para a celebração da primeira missa. Nesta data foi empossada a primeira equipe de pastoral composta por José Venâncio de matos, Antônio Joaquim Pereira e Maria Teresa Pacheco.

Atualmente a Paróquia é composta por 11  comunidades: São José Operário ( Vila São João) , Menino Jesus de Praga ( Praguinha), Nossa senhora Aparecida ( Salinas II), Divino Espírito Santo ( Campo Bonito), Nossa Senhora da Glória(Pirataba), São João XXIII(Vila João XXIII), São Miguel (Areia Grande), Nossa Senhora de Fátima( Barro Cortado),São Brás ( São Brás ), São Judas Tadeu ( Rio Verde), Nossa Senhora Aparecida( Jacaré).

E assim completamos 50 anos de muita luta, muitas  dificuldades, muito trabalho, mas  especialmente de muita  religiosidade, perseverança, amor e fé.

 

Párocos que passaram pela paróquia: Luiz José Benini, Reinaldo Matheus Benini, Roberto Pezzi, Ricieri Dellai, Lirio Casagrande, Sérgio Nicoletti, Sérgio Leonardelli, Ceverino Craco, Leonir Alves, Luiz Santin, Gibrail Walendorf (atual)

 

PROGRAMAÇÃO 50 ANOS:

 

De 26 de abril  a  05 de maio   trezena com celebração diária às 19:00 hs. a cargo das comunidades

Dia 01 de maio ( segunda feira ) missa às 10:30 hs alusiva ao dia do trabalho e almoço comunitário

Dia 07 de maio ( domingo ) missa às 10:30 hs, almoço comunitário e a tarde grandioso bingo.

Conheça um pouco mais da nossa história e outras informações acessando .

www.facebook.com/paroquiasaojoseoperario.

 

 

 

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner